Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cinco de Cada Vez

A fotografia tem pouco a ver com as coisas que vemos, e muito a ver com a forma como as vemos..

A fotografia tem pouco a ver com as coisas que vemos, e muito a ver com a forma como as vemos..

Cinco de Cada Vez

21
Jun19

Brufe


cincodecadavez

IMG_8925.JPG

IMG_8927.JPG

IMG_8943.JPG

IMG_8949.JPG

IMG_8952.JPG

A cerca de cinco quilómetros da barragem de Vilarinho das Furnas, no concelho de Terras de Bouro, foi a vez de visitar Brufe, a aldeia de casas graníticas e dos cursos de água fresca..

Fomos literalmente recebidos pelo cavalo da fotografia.. Saímos do carro e lá veio o garrano, simpático e hospitaleiro.. Não deve ter gostado de ser fotografado, porque ao som dos disparos iniciou a fuga em direcção ao seu habitat natural..

Atravessei a estrada para depressa perceber o erro cometido, o grande erro que foi não ter almoçado no restaurante O Abocanhado, espaço de referência gastronómica na região..

O edifício, reconhecidamente integrado na paisagem, oferece uma vista soberba e infinita sobre o Vale do Rio Homem, na encosta da Serra Amarela, e só posso imaginar o que seja ali jantar, num final de dia de verão enquanto o sol se põe..

Ficou agendado em pensamento..

Depois de cirandar pelas imediações de O Abocanhado, foi a vez de passear pela aldeia, que é a coisa mais querida de sempre, autêntico património rural..

A vida ali é essencialmente agrícola, tudo é puro..

Fiquei com a sensação que sempre que ali voltar vou enternecer como na primeira vez..

Brufe, a aldeia bucólica..

 

 

2 comentários

Comentar post